Rogativa a Jesus << voltar
autor: Henrique Karroiz publicação: 23/11/2016
artigo: Rogativa a Jesus

Que a luz do Mestre Maior toque a cada um de nós, nos envolva, envolva esta Terra, esta esfera, este país, cada ser que aqui ainda se alinha em busca de um crescimento maior a si mesmo em busca de paz, em busca de orientação moral, em busca de Evangelho exercitado, não teorizado.

Abrimos, Senhor, o Teu Evangelho e percebemos as grandes lacunas, inclusive, das tantas almas, de Espíritos, hoje, já com uma evolução maior que se dispuseram a trazer os seus depoimentos.

Sentimos que, talvez, hoje, essas mensagens, essas orientações teriam de ser mais claras, trazendo a todos as delineações das provas e expiações de cada alma, para que pudessem tocar em cada ser que vive neste século.

Sentimos que os depoimentos, hoje, teriam de ser acrescentados das pungentes vidas, das grandes explorações das almas dos tempos pretéritos.

Sentimos que os seres encarnados precisam de depoimentos básicos, claros, reais, pungentes, porque necessitam saber, exatamente, as consequências dos nossos erros, das nossas lacunas, das impropriedades, do excesso da materialidade, da falta de moral, das condições em que todos nós nos trazíamos em posturas rudes, irreverentes, mas, tendenciosas.

Sentimos, Mestre, que esses depoimentos são mais do que necessários a sacudir a esfera, a que ela possa ser mais partícipe de todos os edemas do pretérito que nós mesmos, como viventes em séculos atrás fizemos, realizamos.

Temos a certeza de que muitos dos segmentos religiosos seriam sacudidos, iriam tirar as ilusões de si, iriam dispensar as chaves dos céus, a cadeira ao lado de Deus.

Sabemos, Senhor, que a Terra ainda é um campo primário, inferior, que precisa trazer a luz da verdade, do amor, da compreensão, da moral à vivenciação.

E, hoje, estamos constatando, Mestre, esta trajetória mais lúcida, mais consciente, onde muitas almas irão cumprir os seus processos cármicos em seus efeitos contundentes daquilo que causaram no passado.

Sabemos que nenhum de nós vive á revelia, que nenhum de nós está em injustas posturas.

Sabemos que tudo que nos acontece é mais do que justo e necessário, e que precisamos destes corretivos que nós mesmos nos damos para crescer, para buscar uma plenitude espiritual maior, para sermos almas, Espíritos, filhos de um Criador, essências mais puras, delineadas a cumprir as tarefas evangélicas neste Universo tão pleno e iluminado.

Assim, Mestre, nós, nesta caminhada, nesta oportunidade que Tu nos deste da palavra solta, consciente, moralizada, verdadeira e instrutiva na palavra de esperança, de fé, de amor, temos certeza de que estamos alinhando, no exercício do Teu Evangelho e diante de muitos irmãos, a Tua vontade de clarear a Tua doutrina, de restabelecer um vínculo mais fértil nas almas com as esferas maiores.

Agradecemos a Ti, Senhor, esta oportunidade neste ano, em mais um ano de trabalho. E, aqui estamos a trazer o melhor de nós a todos os irmãos que ainda se estão conduzindo nos seus envolvimentos cármicos.

Obrigado, Jesus, que a Tua aura possante e plena possa chegar a este Lar, tocar a cada um de nós, impulsionando-nos a uma busca maior em conhecimento de nós mesmos, a fertilizar este campo energético que somos, a exalarmos mais amor, mais paz, mais coerência, mais verdade em nossa vida.

Que a paz do Senhor nos toque, que o Seu Evangelho possa ser exercitado por nós.


Henrique Karroiz
Mensagem psicofonada por Angela Coutinho em 23 de novembro de 2016 em reunião pública de tratamento espiritual, Petrópolis, RJ.

 

Busca Por Texto
Arquivo