A Semeadura do Espírito - Parte II << voltar
autor: Henrique Karroiz publicação: 25/10/2019
mensagem: A Semeadura do Espírito - Parte II

Continuando com nossa apreciação, podemos perceber as dádivas que nos tocam a cada minuto do viver. As faculdades perceptivas de cada um de nós, se alinhadas e em equilíbrio irão fazer brotar apreciações inúmeras que surgirão diante de nossos alhos. A fartura, as disposições das naturezas, as facultativas fontes de alimentação, os inúmeros "folguedos" à nossa disposição na materialidade, tudo isto e muito mais nos identifica como seres abastados e tendo as possibilidades de lidar com aquilo que queremos e gostamos, assinalando às nossas almas a imensa doação do Pai eterno.

Entretanto, não viemos para brincar neste "parque primaveril", e sim, aprendermos a crescer como Espíritos eternos.

Sim, porque o homem, em primeiro lugar, precisa educar-se, saber conduzir-se, se tratar e adestrar como ser humano, como Espírito, como filho de Deus, para, depois da sua própria educação, conseguir lançar uma ajuda às sementes à sua volta, porque, assim, ele saberá como cuidá-las, o que ofertar-lhes na seca, nas tempestades e em épocas férteis.

Embora nos defrontemos hoje com as imensas dificuldades e infortúnios, com as fatalidades alcançando muitos irmãos, podemos perceber que existe uma forte atuação das leis de causa e efeito, trazendo às almas ainda sob grandes endividamentos, a oportunidade de retorno para que um aprendizado se dê. Mesmo nos vendo sob temores e sofrimentos, temos que tentar entender que estamos aprendendo a conviver com outros irmãos, e que esta convivência nem sempre é pacífica e suave, porém, se vivemos sob o mesmo teto, algo existe a nos mostrar que ensinamentos estão fracos e fragilizados, necessitando de reforços a podermos equilibrar a nós mesmos e sairmos desta vida melhores do que quando aqui entramos.

Cada mundo, cada esfera tem seu estado vibracional, estado este que identifica este planeta diante dos outros mundos, e, a nós mesmos, habitando da esfera azul como participantes deste mesmo estágio vibracional e, naturalmente, espiritual. Mas, temos um campo maravilhoso e perfeito a nos dar grandes oportunidades de movimentações, por isso, aproveitemos esta fartura a tentemos nos alinhar a estas belezas naturais, procedendo como co-criadores a ajudarmos a elevação das vibrações deste mundo que nos acolhe como campo de treinamento, escola e hospital a nos favorecer o crescimento espiritual.

Esta dádiva, meus irmãos, este planeta inteiro, esta forma de purificarmos a nós mesmos e darmos oportunidades a outros irmãos de se acharem e se educarem, é a maior oferta divina que o ser humano poderia receber: a vida, a proposta de crescimento e amadurecimento, de elevação e de purificação.

Usemos da força de nossa mente, elevando o nosso pensamento ao plano infinito e pedindo a Deus, em primeiro lugar, que esta oferta de vida e de plantio possa ser estendida a todas as almas.

Peçamos a Deus pela evolução de cada um de nós e agradeçamos as oportunidades, os meios maravilhosos que encontramos de nos unir.

Henrique Karroiz

Busca Por Texto
Arquivo